Gestão de Produtos Tech: tendências para 2022

Sabemos que o mercado de tecnologia está bastante aquecido para desenvolvedores, UX designers, qa, testers, analistas, etc. E quando falamos de “Gestão de Produtos”, a área que envolve a concepção, a visão e a estratégia de um produto de tecnologia? 

A área de gestão de produtos é a parte que integra os principais setores de uma equipe de inovação, sendo responsável por unir tecnologia, negócios, operações e marketing, fazendo o planejamento de todo o ciclo de vida dos produtos. É papel do gerente de produto descobrir quais são as necessidades dos usuários, alinhar os KPI’s (indicadores-chave) de uma empresa, passando por um processo de descoberta, prototipação, alinhamentos com equipes, pelo lançamento e evolução do produto.

O mais famoso na posição foi Steve Jobs, mas tirando a glamorização e os mitos que envolvem a área – como por exemplo, dizer que um PM é um copy/paste do CEO – é preciso considerar uma série de fatores para provar que isto não é verdade.

Mas, continuando… 

Na parte da gestão, a pessoa líder de produto é ligada aos times de produto, trabalhando principalmente com uma excelente comunicação e uma visão estratégica para liderar os times.

Sim, o papel do gerente de produto cresceu bastante nos últimos 2 anos. Algumas empresas de tecnologia ainda estão se familiarizando com essa área, mas ainda assim, o setor segue em aceleração e muitos comportamentos acompanharão o setor de tecnologia e inovação.

[rock-convert-cta id=”9981″]

3 tendências em gestão de produtos para 2022

Mais foco em discovery

O setor de Gestão de Produtos cresceu muito nos últimos 2 anos, valorizando cada vez mais os profisssionais que atuam como gerentes. Empresas de todos os setores estão buscando estratégias de desenvolvimento centradas no produto com foco essencialmente no crescimento.

Parte essencial desse processo será focar cada vez mais no usuário e no processo de discovery (descobrimento). Veremos muitos times buscando aprimorar esse processo para que ele seja contínuo, permitindo que sejam cobertos os objetivos (como aumento usuários e engajamento) que são desejados em um produto.

Nessa evolução de um discovery bem executado, veremos mais a participação do time de tecnologia, do time design e de dados, junto da pessoa de produto.

Métricas, dados e mais dados

Um PM pode atuar de diversas formas, podendo desenvolver hard skills com capacidades técnicas, sendo um perfil especialista em dados. Trabalhando ao lado de analistas de negócios e cientistas de dados, os PMs de dados criam casos de uso para medir o sucesso de seus novos produtos e lançamentos de funcionalidades, sempre olhando para as métricas certas de acompanhamento com muito foco no usuário ao longo da jornada.

Para ir mais além: estude SQL, visualização, modelagem de dados e saiba utilizar as melhores métricas em cada fase do produto. Seja qual for o motivo, um relatório básico ainda pode ser um grande problema para o pessoal de produto.

Com algumas ferramentas como Amplitude, Mixpanel, Power BI, a perspectiva está mudando, mas o SQL ainda é um requisito em muitas descrições de cargo de gerente de produto para ajudar a preencher essa lacuna.

Ferramentas

Com o rápido crescimento da área, não vemos tantas ferramentas acessíveis e com ampla disseminação entre os times para serem utilizadas durante um planejamento de roadmap ou até mesmo uma automatização e integração com os times de marketing.

Em empresas maiores, pode haver um time de ProductOps, (o time responsável pela operação da área de produtos) que, além de outras coisas, trabalha para encontrar e disseminar o melhor uso das ferramentas no time.

No entanto, o que ainda vemos é que muitas vezes cabe ao PM descobrir as melhores ferramentas que serão utilizadas no seu time ou que podem melhorar o fluxo do seu trabalho de forma mais automatizada no dia-a-dia. Algumas delas são: Airfocus, Miro, Asana, Jira, Confluence, Slack, Discord e GitLab (para PM’s com perfil mais técnicos).

Agora que você já anotou todas as dicas, não há mais desculpas para não se manter atualizado sobre os principais assuntos do mundo tech, não é mesmo?! Aproveite os demais conteúdos de tecnologia no nosso blog!

Procurando por oportunidades de trabalho em desenvolvimento? Cadastre-se em nossa plataforma e seja conectado a startups e scale-ups do Brasil e do mundo.

Compartilhar:

Drielly
Último artigo
Comunicação vertical e horizontal em times de tecnologia remotos
Próximo artigo
Carreira internacional: skills buscadas por empresas do exterior