O que faz um desenvolvedor de TI? Conheça a profissão e saiba qual a sua importância

Negócios

O desenvolvedor de TI é o profissional responsável por planejar, produzir e gerenciar o desenvolvimento de um sistema, seja ele site, aplicativo ou software para empresas físicas. Esse tipo de profissão é uma das mais promissoras atualmente no mercado mundial, em razão da constante mudança e crescimento da tecnologia da informação em todos os setores. Além disso, diversas empresas estão em busca de uma transformação digital para seus empreendimentos.

O desenvolvedor de TI pode atuar em diversas áreas da tecnologia e pode ser um tarefa complicada encontrar um bom profissional, caso não tenha conhecimento na área. Pensando nisso, nós desenvolvemos um artigo que traz todas as características desse tipo de profissional e algumas dicas de como contratar um bom desenvolvedor de sistemas. Confira nas linhas a seguir.

O que faz um desenvolvedor de TI?

O desenvolvedor de sistemas é um profissional que tem a função de escrever e codificar uma série de funções e comandos que serão responsáveis pela criação de um software, site ou aplicativo. O profissional também tem conhecimento técnico o suficiente para monitorar redes, criar e administrar bancos de dados e também oferecer suporte técnico para manutenção de produtos já desenvolvidos.

Além de saber escrever códigos, o desenvolvedor precisa ter, em sua essência, criatividade, curiosidade em resolver problemas e bastante dedicação em seus estudos, visto que novas tecnologias e linguagens surgem diariamente. Outra característica fundamental na profissão é ter noção de empreendedorismo, para atrair novos clientes, e liderança, para gerir uma possível equipe de desenvolvedores.

Dentro de uma rotina de programação, o desenvolvedor ou analista de sistemas – como também pode ser chamado -, realizará tarefas que envolvem descobrir a fundo as necessidades da empresa interessada nos serviços e planejamento para desenvolvimento das features. Além disso, é necessário saber minuciosamente qual o objetivo da empresa com aquele sistema, como as informações devem ser exibidas e quais processos são mais importantes para automatizar.

O trabalho do desenvolvedor é bastante importante nos dias atuais, em razão do rápido avanço da tecnologia de informação e da constante evolução do conhecimento tecnológico. Além disso, grande parte das empresas buscam uma solução digital para aumentar o faturamento e a visibilidade do seu negócio.

Por conta disso, o desenvolvedor de sistemas é peça chave para uma empresa que deseja crescimento e alinhamento com as tendências que forem surgindo ao longo dos anos.

Quais as áreas de atuação?

Dentro do universo da tecnologia da informação, existem algumas áreas em que o desenvolvedor de sistemas pode atuar. A principal delas, já citada anteriormente, é a prática de escrever linhas de códigos que serão responsáveis por executar funções dentro de um sistema. Porém, antes de pôr a mão na massa, é necessário um estudo bastante detalhado sobre os requisitos pedidos pela empresa a fim de entender exatamente o que precisa ser feito para atender à demanda.

Powered by Rock Convert

Após essa análise inicial, o desenvolvedor se reúne com sua equipe para definir quais estratégias de desenvolvimento serão utilizadas para cumprir o objetivo com agilidade e organização. Na sequência da produção, é necessária uma bateria de testes que serão responsáveis por mostrar possíveis erros e pontos onde o código pode ser melhorado.

Se tudo ocorrer como planejado, os funcionários da empresa contratante do serviço precisarão ser capacitados e, assim, o sistema estará pronto para uso.

Banco de dados

Outra área que o desenvolvedor de TI pode atuar é na administração de banco de dados. Essa área é uma das mais importantes pois se trata da parte que cuida das informações e dos dados dos clientes, com o objetivo de garantir a segurança das informações. Após o desenvolvimento, é necessário sincronizar o banco de dados no sistema desenvolvido e monitorar regularmente enquanto o software é utilizado. Além disso, é importante atualizar o banco sempre que houver necessidade.

Administração de redes

A administração das redes também é uma das funções que o desenvolvedor de sistemas pode realizar. Nesse setor da tecnologia da informação, o profissional é responsável por garantir a segurança e a confiabilidade da rede de computadores utilizada, para garantir a segurança e a proteção dos dados de possíveis ataques externos. Além disso, é importante configurar a realização de backups para que nada seja perdido em alguma possível falha.

Suporte técnico

É interessante também ao profissional que se dedica ao desenvolvimento de sistemas, dar suporte aos usuários que fizeram a contratação do serviço. A manutenção de um produto também é um dos pontos fundamentais para que a reputação da sua empresa aumente e para que o sistema não fique defasado. Por isso, é interessante ao profissional realizar constantes atualizações em busca de corrigir erros e até mesmo para implementar novas funções.

Como contratar o desenvolvedor ideal

Após toda essa chuva de informações sobre o que faz um desenvolvedor de TI, surge aquela dúvida: onde posso encontrar o profissional ideal para minha ideia ou para meu negócio?

Antes de tudo é importante observar se os valores do candidato estão alinhados com o que a sua empresa acredita. Ter um profissional que se adeque ao seu fit cultural é fundamental para o bom ambiente do seu time e também para que os resultados aconteçam com maior agilidade. Além disso, outra dica interessante é focar em candidatos que estão em constante evolução e em busca de conhecimento a todo momento. Isso pode facilitar bastante caso seja necessário utilizar uma tecnologia nova que poucos devs tenham conhecimento.

Outra dica interessante é possuir um headhunter de TI para acelerar o processo de contratação. O profissional, extremamente capacitado em contratar pessoas, possui características específicas que podem acelerar o crescimento da sua equipe e aumentar a eficácia no preenchimento de vagas na sua startup. Esse recrutamento mais especializado garante que o índice de turnovers diminua durante a execução de seus projetos, já que o profissional indicado pelo recrutador provavelmente será um especialista no assunto.