fbpx

Saber quando pivotar sua startup pode fazer a diferença entre o sucesso e o fracasso do seu negócio. Empresas como Paypal, Twitter e Instagram utilizaram desse conceito para se tornarem negócios gigantescos.

A expressão pivotar vem da palavra em inglês “to pivot“, que se traduzirmos temos a palavra girar.

O conceito se popularizou em conjunto com o livro A Startup Enxuta de Eric Ries, nele o autor explica sobre como o conceito é importante para empreendedores crescerem seus negócios.

Sempre será necessário pivotar sua startup (imagem ilustrando uma montanha russa que é o empreendedorismo)

O que é pivotar

De maneira simplista, pivotar uma startup é mudar a direção da empresa de alguma maneira.

Ou seja, alteramos algo do nosso modelo de negócio para que possamos testar novas hipóteses.

Por exemplo, vamos imaginar que o seu produto é muito bom, mas o nicho em que está atuando, o seu cliente não tem condições de pagar o preço mínimo para operação do negócio, talvez esse seja um caso de pivotar o modelo de monetização.

É importar lembrar que pivotar significa girar sob o seu próprio eixo, dessa forma é importante mantermos a base do nosso modelo de negócio ou a base tecnologia.

Mudar totalmente o negócio e tecnologia descaracteriza um pivot.

Tipos de pivots

Segundo o livro de Ries, existem 10 tipos de pivots para startups, vou explicar resumidamente alguns deles para você ter uma ideia de como aplicar no seu negócio.

Customer segment pivot

O mais simples de todo, é basicamente mudar o segmento de clientes que você atende.

Imagine aqui que você tem um marketplace de alimentação (um ifood, por exemplo), e o seu publico alvo hoje são empresários.

Porém ao rodar seu negócio, você percebe que os empresários não estão dispostos a pagar pelo aplicativo. Dessa maneira você resolve trocar o segmento de clientes para estudantes.

Powered by Rock Convert

Esse é um exemplo clássico de pivot de segmento de cliente, você troca o nicho do seu produto para testar se o novo da mais resultado que o anterior.

Customer need pivot

Nesse caso, a sua proposta de valor não está adequada ao segmento de cliente e você resolve mudar a sua proposta, dessa maneira você pode alterar seu produto ou suas funcionalidades.

O PayPal passou por esse “problema”, inicialmente eles eram uma empresa de troca de dinheiro por Palm Pilots (os smartphones da época), porém isso não tinha valor para os usuários na época, pois nem todos os usuários tinham o dispositivo.

Dessa maneira, eles tinham uma boa tecnologia e uma boa ideia, mas os usuários não tinham aquele problema de fato, eventualmente o PayPal se transformou em uma troca de dinheiro por e-mail e hoje é uma das principais empresas de tecnologia e referência em empreendedorismo para muitos.

Zoom-In Pivot

Aqui começa a ficar um pouco mais complexo, esse tipo de pivot consiste em transformar antes o que era apenas parte de um produto em seu produto todo.

Um bom exemplo desse tipo é o Flickr, em 2004 eles eram um jogo online chamado Neverending que tinha uma função de compartilhar fotos com os amigos.

Com o tempo eles perceberam que a parte mais utilizada do jogo era a de compartilhamento de fotos, dessa maneira eles resolveram remover todo o restante, deixando apenas o compartilhamento de fotos, criando o Flickr.

Zoom-out pivot

Esse é oposto do acima, aqui o antes era apenas uma função que depois essa função se torna apenas parte de um grande ecossistema.

Se você conhece a história do Facebook já reconheceu esse pivot. Naquela ocasião, o Facebook era chamado de Facesmah, e servia apenas para comparar garotas da universidade do seu fundador.

Hoje o Facebook é gigante, e apenas o conceito de interação social do Facesmah é utilizado em suas redes sociais.

Agora que você sabe os conceitos sobre como pivotar sua startup, está preparado para vencer as adversidades que virão?

Importante utilizar do conceito em conjunto com boas métricas para produtos, dessa maneira você tem mais segurança para saber quais aspectos do seu modelo de negócio precisa ser alterado.

Qualquer dúvida deixe nos comentários que vamos responder o mais rápido possível!

Sobre o Autor

mm

Gabriel Malinosqui

CEO da ez.devs.
Ama startups, empreendedorismo e tecnologia.

Entre com seus dados para a ligação.