Projetos com Desenvolvedor Remoto: Saiba como Fazer

Negócios

O aprimoramento de ferramentas digitais nas últimas décadas impactou diretamente diversas dinâmicas de trabalho. Cada vez mais, empresas são capazes de encontrar, por meio da tecnologia, soluções práticas para seus problemas. A contratação de um desenvolvedor remoto é um destes casos. Essa alternativa pode ser a saída para negócios que possuam algum produto digital.

A cada dia surge um novo instrumento para auxiliar a execução de tarefas. Planilhas compartilhadas, ferramentas de gerenciamento de projetos, aplicativos de chamadas de vídeo… Essas ferramentas são apenas algumas das possibilidades oferecidas pelo avanço tecnológico em conjunto com o aprimoramento dos serviços de internet — e não há exemplo melhor da sua eficiência do que um desenvolvedor remoto.

Naturalmente, profissionais de TI devem ser extremamente qualificados. A princípio, sua atuação remota pode soar como um desperdício de toda sua capacidade. Contudo, isso não é verdade. Afinal, quando tratamos de especialistas em tecnologia, a última preocupação deve ser sua capacidade de trabalhar utilizando a tecnologia. A seguir, entenda melhor como um desenvolvedor pode afetar positivamente sua empresa.

Impactos de um Desenvolvedor Remoto

Sua empresa possui (ou busca criar) um produto digital? Caso sim, é provável que você já saiba que o desenvolvedor possui um papel fundamental nesse investimento. Além do seu conhecimento como um programador, esse profissional é capaz de sugerir adequações e soluções baseadas nas necessidades da sua empresa. 

E é aí que um desenvolvedor remoto pode fazer a diferença no seu projeto. Diversos são os casos de negócios que já estão há algum tempo no mercado e, apesar disso, nunca necessitam de um serviço de desenvolvimento. Por isso, não possuem uma estrutura física ou mesmo o orçamento suficiente para uma expansão. Afinal, seu core business pode ter pouco a ver com tecnologia. 

Vamos supor que seu negócio tenha planos de desenvolver um aplicativo. Fazer alterações em toda a dinâmica de funcionamento no ambiente de trabalho da empresa pode tornar esse investimento em um problema. Nesses casos, um desenvolvedor remoto pode atuar com a mesma qualidade e, é claro, sem impactar muito o orçamento e o cotidiano da empresa. 

No caso de empresas que possuem projetos pontuais com a demanda de um desenvolvedor, existem soluções que podem se adequar melhor ainda às necessidades. O outsourcing é um exemplo. Nesse modelo, uma empresa terceirizada é contratada para gerir o desenvolvimento do produto. 

Powered by Rock Convert

Isso tudo pode soar como um distanciamento entre empresa e desenvolvedor, mas esse não é o caso. Como já destacamos, diversas ferramentas digitais são capazes de conectar empresas e funcionários. Além do mais, em casos de outsourcing as garantias de um trabalho bem feito podem ser asseguradas antes mesmo do fechamento do contrato. Entenda melhor a seguir.

Outsourcing de Desenvolvedor Remoto

O outsourcing de desenvolvimento de software é uma opção interessante para quem busca por uma dinâmica remota. Nesse modelo, uma empresa de tecnologia terceirizada presta um serviço para a outra. Dessa forma, a contratação de funcionários e adequação física são dispensados, assim como o processo de contratação.

Essa é uma opção especialmente interessante para os casos de projetos pontuais. Empresas que não atuam na área de tecnologia, mas necessitam do desenvolvimento de um software podem ser beneficiadas em uma relação de outsourcing. Isso porque o contrato pode ser moldado conforme a demanda de desenvolvedores e as prioridades do software desenvolvido. 

Quando tratamos do desenvolvimentos de software não falamos apenas do desenvolvimento de aplicativos. A empresa pode precisar, por exemplo, de um programa para a organização do estoque. Nesse caso, o software pode ter diversas funcionalidades, mas os desenvolvedores trabalharão consecutivamente da mais prioritária para a menos importante.

Considere a opção

O mercado de TI é extremamente dinâmico e especializado. Apesar disso, ele sofre com a falta de profissionais. Por isso, cada vez são mais populares as opções que oferecem um serviço extremamente qualificado com modelos diferentes. É preciso considerar que manter um desenvolvedor pode resultar em altos custos, além de um risco de que ele acabe não possuindo muitas demandas.

É por esses motivos que a utilização de um desenvolvedor remoto terceirizado deve ser uma das alternativas em mente. Quando se busca por empresas especializadas em outsourcing de desenvolvedores, é possível conferir sua reputação, assim como a de seus profissionais. Esse tipo de pesquisa poderá contribuir ainda mais na criação de confiança entre vocês. Por isso, não há porque ter medo. Considere um desenvolvedor remoto!