fbpx

Salário para desenvolvedores em 2021

Confira neste artigo quais são os salários que um desenvolvedor pode receber em 2021.

Que o mercado de tecnologia é um dos mais promissores, você já sabe, ainda mais quando se trata de um cenário pandêmico, onde praticamente todas as empresas precisaram automatizar processos de uma hora para a outra e até mesmo contar com colaboradores atuando remotamente. 

Mas, não importa a carreira, todos nós temos curiosidade quando se trata de remuneração, afinal, os salários funcionam também como uma forma de reconhecimento pelo trabalho executado e este reconhecimento precisa estar à altura das nossas experiências, habilidades e qualificações, além, é claro, do tipo de serviço prestado. 

O setor de tecnologia é um dos que melhor remunera atualmente, até mesmo profissionais novos no mercado de trabalho podem contar com um bom salário. Mas, quando falamos de profissionais a partir do nível pleno, por exemplo, a remuneração é ainda mais interessante. 

Pessoas que atuam como desenvolvedoras de software encontram-se neste cenário e é sobre os salários desta profissão que falaremos neste artigo. Se ficou curioso, não deixe de conferir!

O que é preciso levar em conta

Antes de falarmos sobre as faixas salariais em si, é preciso levar em conta alguns pontos, para que você possa analisar todas as informações da maneira correta. Devemos considerar todo o cenário que envolve determinado salário, como as habilidades técnicas de cada profissional, o modelo de contratação, o tamanho das empresas e por último, mas não menos importante, os níveis de experiência dos talentos.

Para este artigo, utilizamos como base o Guia Salarial de 2021 da FOX Tech e abordamos nosso conteúdo por área de atuação no campo do desenvolvimento de softwares, dividindo em Front-end, Back-end, Full Stack e Mobile classificando também de acordo com os níveis de experiência profissional e o modelo de contratação (PJ e CLT)

Caso você queira saber mais sobre as diferenças de senioridade presentes no mercado de tecnologia, recomendo que veja este vídeo:

E, finalmente, vamos ao que interessa!

Salários de desenvolvedores Front-End

Para programadores que atuam como front-end, a média salarial varia entre R$ 4.250,00 até R$ 15.250,000, considerando talentos do nível júnior ao sênior e os dois modelos de contratação.

Front-end nível júnior:
  • Modelo CLT: 

Neste regime contratual, a faixa salarial em pequenas e médias empresas (PME) está em torno de R$ 4.250,00 e em grandes empresas o valor sobe para R$ 5.250,00.

  • Modelo PJ:

Em contratações por PJ, a média de remuneração é consideravelmente maior e, em pequenas e médias empresas é de R$ 5.000,00 e em grandes empresas este valor é de R$ 6.250,00.

Front-end nível pleno:
  • Modelo CLT: 

Para programadores nível pleno neste regime contratual, a faixa salarial em pequenas e médias empresas está em torno de R$ 7.250,00 e em grandes empresas o valor sobe para R$ 9.000,00.

  • Modelo PJ:

Já no modelo PJ, a média de remuneração também aumenta. Em pequenas e médias empresas é de R$ 9.750,00 e nas grandes organizações está em torno de R$ 11.000,00.

Front-end nível sênior:
  • Modelo CLT: 

A remuneração de talentos de nível sênior em pequenas e médias empresas está em torno de R$ 10.000,00 e em grandes empresas este valor sobe para R$ 11.750,00.

  • Modelo PJ:

Devs front-end sênior também ganham mais em regimes PJ. Em pequenas e médias empresas a remuneração é de R$ 13.000,00 e nas grandes está em torno de R$ 15.250,00.

Salários de desenvolvedores Back-End

Para desenvolvedores que atuam como back-end, a remuneração varia entre R$ 4.750,00 até R$ 17.000,000, considerando talentos do nível júnior ao sênior e os dois modelos de contratação.

Back-end nível júnior:
  • Modelo CLT: 

Neste regime contratual, a faixa salarial para programadores back-end juniores em pequenas e médias empresas está em torno de R$ 4.750,00 e em grandes empresas o valor sobe para R$ 6.000,00.

  • Modelo PJ:

Em contratações por PJ, a média de remuneração é consideravelmente maior e, em pequenas e médias empresas é de R$ 5.500,00 e em grandes empresas este valor é de R$ 6.750,00.

Back-end nível pleno:
  • Modelo CLT: 

Para programadores nível pleno neste regime contratual, a faixa salarial em pequenas e médias empresas está em torno de R$ 8.000,00 e em grandes empresas o valor sobe para R$ 9.750,00.

  • Modelo PJ:

Já no modelo PJ, a média de remuneração também aumenta. Em pequenas e médias empresas é de R$ 10.500,00 e nas grandes organizações está em torno de R$ 12.000,00.

Back-end nível sênior:
  • Modelo CLT: 

A remuneração de talentos back-end de nível sênior em pequenas e médias empresas está em torno de R$ 11.000,00 e em grandes empresas este valor sobe para R$ 13.000,00.

  • Modelo PJ:

Pessoas desenvolvedoras back-end sênior também ganham mais em regimes PJ. Em pequenas e médias empresas a remuneração é de R$ 14.250,00 e nas grandes está em torno de R$ 17.000,00.

Salários de desenvolvedores Full Stack

Para aqueles que trabalham no setor de programação full-stack, a média salarial é parecida com a remuneração de front-end, variando entre R$ 4.250,00 até R$ 15.250,000, considerando talentos do nível júnior ao sênior e os dois modelos de contratação.

Full stack nível júnior:
  • Modelo CLT: 

Neste regime contratual, a faixa salarial está também, em pequenas e médias empresas, em torno de R$ 4.250,00 e em grandes empresas em torno de R$ 5.250,00.

  • Modelo PJ:

Em contratações por PJ, a média de remuneração também segue a mesma que a de talentos front-end, sendo consideravelmente maior do que em CLT. Em pequenas e médias empresas o salário é em média R$ 5.000,00 e em grandes empresas este valor é de R$ 6.250,00.

Full stack nível pleno:
  • Modelo CLT: 

Para programadores nível pleno neste regime contratual, a faixa salarial também é igual a de front-end, onde em pequenas e médias empresas está em torno de R$ 7.250,00 e em grandes empresas o valor sobe para R$ 9.000,00.

  • Modelo PJ:

O mesmo ocorre no modelo PJ, já que a remuneração em pequenas e médias empresas é de R$ 9.750,00 e nas grandes organizações está em torno de R$ 11.000,00.

Full stack nível sênior:
  • Modelo CLT: 

Assim como na área de front-end, a remuneração de talentos de nível sênior em pequenas e médias empresas está em torno de R$ 10.000,00 e em grandes empresas este valor sobe para R$ 11.750,00.

  • Modelo PJ:

Devs full stack sênior também ganham mais em regimes PJ. Em pequenas e médias empresas a remuneração é de R$ 13.000,00 e nas grandes está em torno de R$ 15.250,00.

Agora que você já sabe o quanto pessoas desenvolvedoras ganham no mercado de tecnologia aqui no Brasil, pode avaliar melhor as oportunidades que chegam até você.

Conheça os salários que a EZ oferece em nosso site para conhecer e mais benefícios de nosso ecossistema!

Públicações relacionadas

Alinhando oportunidades de trabalho aos seus objetivos de carreira em tecnologia
construindo um plano para sua carreira em tecnologia

O mercado de tecnologia sempre foi considerado um ramo em ascensão, tendo em vista as inúmeras inovações e a sua Ler o artigo completo

Como usar o algoritmo do Linkedin para ser encontrado na rede?
Algoritmo do linkedin: como ser encontrado?

Conheça como o algoritmo do LinkedIn funciona e como podemos nos favorecer dele para conquistar as melhores oportunidades.

Burnout em desenvolvedores: o que fazer para evitar
burnout no trabalho - pessoa com as mãos na cabeça sentado a frente do computador

Nosso time de Customer Success conta como é possível driblar o estresse excessivo no dia a dia e evitar o Ler o artigo completo

Como melhorar suas soft skills e hard skills e acelerar o seu desenvolvimento
Soft skills e hard skills para acelerar o seu desenvolvimento

Conheça algumas práticas que podem te ajudar a melhorar suas soft skills e hard skills como desenvolvedor e te ajudar Ler o artigo completo

Veja todos os nossos artigos